A actual situação do Hospital de Barcelos, à luz das directivas europeias e nacionais e das recomendações do projecto da Rede de referenciação e Via Verde para os AVCs é incompatível com a admissão e tratamento de casos agudos desta patologia na instituição por falta de recursos humanos e técnicos indispensáveis.

É, no entanto, necessário avaliar e garantir a sua capacidade para receber, após o período agudo e tratamento inicial numa unidade de AVCs, os doentes com acidentes vasculares cerebrais da área do concelho de Barcelos (e, eventualmente também de Esposende) numa fase que necessitam ainda de internamento e tratamento hospitalares. Para além duma correcta organização dos serviços e da existência dos meios indispensáveis à continuidade dum tratamento adequado o hospital deve desempenhar um papel fulcral no planeamento da alta, coordenação com os cuidados primários de saúde, reintegração dos doentes na família.

253 812 547
Segunda a Sexta
Das 08h30 às 18h00
Sábado
Das 09h00 às 12h00